DestaquesParaíba

Prefeitura de Campina Grande abre seleção para gestores escolares da Rede

As inscrições são gratuitas e estão disponíveis através de plataforma online até o dia 1 de novembro.

A Prefeitura de Campina Grande, através da Secretaria de Educação (Seduc), está com edital de processo seletivo aberto com 168 vagas para gestores escolares e adjuntos. As inscrições começam nesta sexta-feira, 20 de outubro, e seguem até o dia 1 de novembro.

Secretaria de Educação

As inscrições são gratuitas e devem ser realizadas exclusivamente, via internet, através do endereço eletrônico https://novo.ibgpconcursos.com.br/concurso.jsp?cod=374 . Não será cobrado ou emitido boleto para realizar as inscrições.

Ao todo, serão ofertadas 168 vagas para gestores escolares e gestores adjuntos para ampla concorrência sendo 5% das referidas vagas, destinadas para pessoas com deficiência.

Para ambos os cargos, de forma ampla, é necessário compor o quadro do magistério, com comprovação de dois anos de atuação na área.

O processo passará por 5 (cinco) etapas, com prova objetiva agendada para o dia 19 de novembro e o resultado final previsto para ser divulgado no dia 15 de janeiro de 2023.

De acordo com o secretário de Educação, Raymundo Asfora Neto, o modelo adotado para a seleção dos gestores na cidade é democrático e abrange a possibilidade de dar chance a todos de forma igualitária.

“A partir dessa nova aprovação da legislação aqui de Campina Grande, possibilitando esse processo seletivo, surgem boas novidades, a exemplo do formato democrático, todos podem concorrer, desde que sejam qualificados para a vaga. Isso nos possibilita ter os melhores profissionais na Rede e oferecer o melhor para os nossos estudantes também.”, pontuou

Remuneração e jornada de trabalho

A jornada de trabalho para o cargo de Gestor Educacional será de 40 (quarenta) horas e para o Gestor Educacional Adjunto será de 20 (vinte) horas semanais.

Para o servidor efetivo, comissionado, da Rede Municipal de Ensino de Campina Grande, que exercerá o cargo de Gestor Educacional ou Gestor Educacional Adjunto, será considerado o que estabelece Estatuto e o Plano de Cargos, Carreira e Remuneração do Magistério Público Municipal e dá Outras Providências (PCCR).

Para o servidor comissionado, contratado, que não faz parte do quadro efetivo da Rede Municipal de Ensino de Campina Grande, e exercerá o cargo de Gestor Educacional, será considerado o vencimento de 2 (dois) salários mínimos, mais a gratificação de acordo com o número de estudantes matriculados na Unidade Educacional que irá gerir. Tendo como base o o Estatuto e o Plano de Cargos, Carreira e Remuneração do Magistério Público Municipal e dá Outras Providências (PCCR).

Para o servidor comissionado, contratado, que não faz parte do quadro efetivo da Rede Municipal de Ensino de Campina Grande, e exercerá o cargo de Gestor Educacional Adjunto, será considerado o vencimento de 1 (um) salário mínimo, mais a gratificação de acordo com o número de estudantes matriculados na Unidade Educacional que irá gerir. Tendo como base o Estatuto e o Plano de Cargos, Carreira e Remuneração do Magistério Público Municipal e dá Outras Providências (PCCR).

Codecom



Botão Voltar ao topo