Operação Calvário: justiça determina sequestro de mais de R$ 20 milhões das contas de Ricardo Coutinho e mais oito investigados

O juiz José Guedes Cavalcanti Neto deferiu pedido do Ministério Público da Paraíba (MPPB) para sequestrar bens de investigados na Operação Calvário. Mais de R$ 20 milhões devem ser sequestrados das contas de nove investigados, incluindo o ex-governador Ricardo Coutinho.

Além do ex-gestor do Governo da Paraíba, a decisão atinge também Waldson de Souza, Ney Suassuna, Fabrício Suassuna, Aracilba Rocha, Edmon Gomes da Silva Filho, Saulo de Avelar Esteves, Gilberto Carneiro da Gama e Sidney da Silva Schmid.

Leia mais: Segunda morte suspeita de Covid-19, em um único dia em Sousa, é de uma mulher de 39 anos

Relação dos investigados e valores sequestrados

De acordo com a decisão, se os valores não forem encontrado nas contas dos investigados, haverá o bloqueio de veículos e sequestro de imóveis até o limite dos valores.

De acordo com o Ministério Público, esses são os valores que teriam sido desviados e o bloqueio desses bens visa garantir que possa haver o ressarcimento posterior desses danos.

(Blog do Levi)

Load More Related Articles
.