GESTÃO PÚBLICA : Bruno volta a garantir que não haverá reajuste real no valor do IPTU 2021 em Campina Grande, mas apenas o repasse da inflação

Prefeito diz que repasse inflacionário é imposição legal, mas não será aplicado aumento real no imposto

O Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) de Campina Grande não sofrerá  aumento real em 2021, mas tão somente atualização ou reajuste de acordo com a inflação que é um índice baixo. O anúncio foi feito pelo prefeito Bruno Cunha Lima, em entrevista ao Programa Correio da Manhã, da Rádio Correio FM, na manhã desta sexta-feira, 22.

Mesmo considerando que o pagamento do IPTU é fundamental para que a administração do Município dê prosseguimento a uma série de ações em prol do progresso campinense, sobretudo em setores como o de infraestrutura e pavimentação de centenas de ruas, o prefeito revela-se sensível quanto ao momento de crise econômica enfrentada pelo contribuinte, sobretudo nestes tempos de enfrentamento dos efeitos gerados pela pandemia do novo coronavírus.

“Os carnês começam a ser distribuídos em fevereiro e apenas o percentual da inflação será agregado valor do imposto este ano, garantindo-se, assim, a capacidade mínima de investimentos por parte do Municipio. Não haverá, portanto, aumento de IPTU”, garantiu Bruno Cunha Lima.

Pagamento online

Bruno explicou, ainda, que para o pagamento do IPTU deste ano, o contribuinte ainda poderá recorrer ao site oficial da Prefeitura Municipal de Campina Grande (PMCG), cujo endereço é campinagrande.pb.gov.br. Neste caso, o contribuinte poderá imprimir a sua guia do IPTU e efetivar o pagamento. Trata-se, em sua avaliação, do emprego de mais um recurso tecnológico para facilitar a vida do contribuinte.

Em Campina Grande, o pagamento em cota única do IPTU dará direito ao contribuinte adimplente um desconto de 15% em cota única. Já no caso do contribuinte optar pelo parcelamento, este deve ser procedido em dez vezes, respeitando-se o limite mínimo de 50 reais.

(CODECOM)

Load More Related Articles
.