DestaquesPolítica

Em Washington (EUA) Murilo diz que avanços nos tratamentos cerebrais precisam ser acessíveis a todos

O deputado Murilo Galdino (Republicanos-PB) fez uma fala sobre políticas públicas de saúde e avanços no tratamento às doenças neurológicas, durante o 10º Encontro Anual de Mapeamento Cerebral, realizado no Congresso Americano em Washington (EUA), nesta quinta-feira (19) – Dia do Cérebro. Único representante do parlamento brasileiro, ele falou sobre a importância do acesso da população aos avanços científicos e médicos na área da neurologia.

Murilo é membro da Comissão de Defesa dos Direitos das Pessoas com Deficiência, da Câmara dos Deputados salientou a importância de as políticas de saúde pública acompanharem e incluírem as novas terapias nesta área. “A tecnologia de mapeamento cerebral fornece insights valiosos para identificar vulnerabilidades individuais, a compreensão profunda dos fatores de risco, permitindo a personalização de abordagens preventivas. Me considero privilegiado em saber mais sobre estes avanços revolucionários na área da saúde neurológica e lutar para que possamos moldar uma política de saúde pública eficaz, considerando a inteligência artificial e outras tecnologias como ferramentas basilares num futuro próximo e disponíveis ao alcance de todos”.

O evento tem apoio da Society for Brain Mapping and Therapeutics (SBMT) e durante sua realização foram discutidas por cientistas e médicos renomados, várias formas de prevenção e tratamento de distúrbios neuropsiquiátricos, através de tecnologias como IA, mapeamento cerebral e terapia celular.

( Ascom)



Botão Voltar ao topo