EM BRASÍLIA: Vice-prefeito de Campina Grande é recebido pelo ministro da Saúde e reivindica recursos para a cidade

Lucas Ribeiro entregou a Marcelo Queiroga demandas, como a liberação de uma emenda no valor de R$ 4 milhões, além de outros projetos do interesse do município.

O vice-prefeito de Campina Grande, Lucas Ribeiro, participou nesta terça-feira (4), de uma reunião com o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga. O encontro aconteceu em Brasília, onde o gestor cumpre agenda institucional, e teve como pauta a liberação de recursos para reforçar a rede municipal de saúde, além de outros projetos de interesse da cidade.

Entre os pleitos, levados pelo gestor à capital federal, consta à liberação de uma emenda de R$ 4 milhões. O valor é destinado à Campina Grande pela senadora Daniella Ribeiro, que o ministro, de imediato, destinou à sua assessoria para encaminhamento.

“Lucas trouxe uma série de demandas que são muito importantes, não só em relação à saúde, mas também de ciência e tecnologia, turismo e cultura. Sobre a emenda da senadora Daniella Ribeiro, muito importante para Campina Grande, já determinei à nossa assessoria para que dê o encaminhamento, para que essa política pública chegue o mais rápido possível para beneficiar a sociedade de Campina Grande e à Paraíba como um todo”, frisou Queiroga.

O vice-prefeito também aproveitou o encontro para discutir sobre o enfrentamento à covid-19, os avanços na vacinação e requisitar o andamento de demandas do Núcleo de Tecnologias Estratégicas em Saúde (Nutes), da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB).

Lucas avaliou o encontro como positivo, agradecendo a receptividade do ministro e se comprometendo em seguir empenhando esforços, na gestão do prefeito Bruno Cunha Lima, para que a cidade possa se consolidar como referência nacional em saúde.

“Foi um encontro muito proveitoso, onde pudemos entregar as demandas da nossa cidade ao ministro Queiroga, que como sempre foi respeitoso e receptivo. Tenho convicção de que nossos anseios serão analisados com atenção e urgência, sobretudo porque o ministro é conhecedor da realidade local”, finalizou o vice-prefeito.

Codecom

 

Load More Related Articles
.