DestaquesNotícias

DIA DO TRABALHADOR: Números do Sine e do Caged, atestam eficiência de Campina Grande na criação e manutenção de postos de trabalho

Nos últimos três anos, vários índices indicam o crescimento da cidade em número de vagas de emprego formal, com a prefeitura de Campina Grande, buscando alternativas para que esses dados continuem nessa tendência



Campina é uma cidade conhecida pela sua pujança e sua capacidade produtiva, sendo um pólo onde é possível encontrar oportunidades para trabalhadores de diversas áreas. Dados do Sine Municipal e do Caged, Cadastro Geral de Empregados e Desempregados são termômetros para indicar como a cidade tem buscado honrar seu título de capital do trabalho.

Um dos indicadores aponta a queda no número de buscas pelo seguro desemprego. Entre 2021 e 2023, esse número caiu de 5.957 para 2.128. A tendência segue em queda para este ano, já que em abril do último ano, 209 pessoas buscaram pelo benefício concedido a trabalhadores dispensados sem justa causa, contra apenas 157 no mesmo mês desta temporada, de acordo com dados do Sine Municipal.

Se os números acima, confirmam a tendência na manutenção de postos de trabalho, outros índices mostram uma consolidação na criação de novas vagas. De 2021 até o último mês de abril, 6668 pessoas foram colocadas no mercado de trabalho por meio do Sine Municipal. Esse número deve se tornar ainda mais positivo com a chegada de empresas como a Bartofil, de Minas Gerais, que está construindo um centro de distribuição na cidade. No último mês de março, inclusive, uma comitiva da Prefeitura de Campina Grande, esteve visitando as obras, no Distrito de Catolé de Boa Vista.

“A arrecadação de impostos é importante, a geração de emprego para movimentar a economia é importante. Mas, tem um outro ganho que não pode ser mensurado só com números econômicos, que é o ganho social. Você garante a várias famílias o trabalho digno, para não depender de favor, de esmolas, ou não ficar na dúvida em relação ao amanhã. Esse é o maior programa social que um governo pode fazer, que é estimular o emprego”, disse o prefeito Bruno Cunha Lima, na ocasião.

A chegada de empresas como a Bartofil, que vai gerar mais 300 postos de trabalho na cidade, já no próximo semestre, deve melhorar ainda mais os índices do Caged, e que já mostraram a Rainha da Borborema com bons números em 2023. Só nos setores de serviço, comércio e construção, houve um saldo positivo de 1.550 entre demissões e contratações.

Muitos desses avanços, se devem a serviços disponibilizados pela Prefeitura de Campina Grande, por meio do Sine Municipal. Inovações como o Sine Intinerante, por exemplo. Uma ação que leva os serviços do órgão às comunidades, em um ônibus totalmente equipado e climatizado, onde as pessoas podem realizar, por exemplo, o cadastro para as vagas de trabalho ofertadas. Também tem sido oferecidos vários cursos de capacitação, inclusive para jovens aprendizes. O número de pessoas atendidas, saltou de 44.144, em 2021, para 46.187 em 2023.

“Eu tenho 22 anos, posso falar sobre a minha experiência aqui no Sine, no jovem aprendiz. A gente tá aqui fazendo o treinamento. Eu fiz a inscrição pelo site da A&C, passei na prova e estou fazendo o treinamento aqui. Estamos tendo o treinamento de ambientação, todo o treinamento pra gente poder entrar na A&C. A gente tá sendo muito bem treinado e está sendo maravilhoso”, disse a jovem aprendiz Camila.

Codecom

Botão Voltar ao topo