Covid-19: Secretário Geraldo Medeiros prevê aumento de mortes e casos em novembro

Secretário explicou que o crescimento nos números será um reflexo da reabertura das escolas para aulas presenciais, entre outros fatores da flexibilização

 

O secretário de Estado da Saúde (SES), Geraldo Medeiros, fez uma previsão nada positiva para os próximos dias, nesta sexta-feira (16). De acordo com Geraldo, a Paraíba deverá ter um aumento de número de novos casos e de mortes de coronavírus a partir da segunda quinzena de novembro.

Geraldo explicou que o crescimento dos casos, será um reflexo da reabertura das escolas para aulas presenciais, como também das aglomerações nos eventos eleitorais, flexibilização das atividades e relaxamento na prevenção como uso de máscara, álcool e gel e distanciamento social.

“Com o início da abertura das aulas presenciais é que nós teremos reflexo da atitude que em João Pessoa e Campina Grande não deveria ter tomado, pois eles se encontram com a bandeira amarela”, ressaltou ao ClickPB.

Geraldo Medeiros alertou que a pandemia volta a se intensificar quando as pessoas não respeitam as regras sanitárias, para previnir a contaminação pelo novo coronavírus.

“A contaminação intensifica a partir do momento em que as pessoas não obedecem as regras sanitárias como uso de máscara, distanciamento social, uso de álcool em gel e lavagem das mãos”, explicou.

Ainda de acordo com o secretário de Saúde, nos últimos dois meses as pessoas começaram a relaxar.

Associado a isso veio a flexibilização, que foi lenta e gradual, mas que uma parcela do municípios não obedeceu ao decreto estadual e adotou medidas mais amplas como as secretarias de João Pessoa e de Campina Grande. E com isso, houve um recrudescimento no número de novos casos confirmados e de óbitos”, afirmou.

 

( Redação Paraíba Já)

Load More Related Articles
.