DestaquesNotícias

Coleta de lixo aumentou 30% durante os 31 dias d’O Maior São João do Mundo

O secretário de Serviços Urbanos e Meio Ambiente da Prefeitura de Campina Grande (Sesuma), engenheiro Geraldo Nobre Cavalcante, avaliou como exitoso o trabalho de coleta do lixo urbano (diurno e noturno), no Parque do Povo durante os 31 dias do Maior São João do Mundo. “Depois de dois anos, sem acontecer, por conta da pandemia, graças a Deus a festa foi um sucesso absoluto, em organização, participação popular e também na limpeza urbana. Nossa equipe, somente de lixo orgânico e inorgânico retirou 211 toneladas, 30% a mais do que em 2019”, declarou. Em 2019, conforme a pasta, foram recolhidas pouco mais de 150 toneladas de lixo orgânico e inorgânico.

Comprovando a grandiosidade d’O Maior São João do Mundo, apenas para tratar da limpeza urbana da cidade, durante o período junino, a Prefeitura de Campina Grande realizou um processo seletivo e contratou 285 colaboradores (homens e mulheres), e mais 40 catadores para o programa Recicla São João.

Distribuídos em quatro turnos (manhã, tarde, noite e madrugada), o trabalho, que ficou conhecido como Operação Matuto Limpeza, atuava tanto no Parque do Povo como nas ruas adjacentes e nos distritos de São José da Mata e Galante. No caso de Galante, onde as festividades acontecerão até domingo, 17 de julho, as ações continuarão até o próximo final de semana.

Só do lixo orgânico e inorgânico, levados para o aterro sanitário, foram recolhidas por dia mais de sete toneladas apenas na área do Parque do Povo. Totalizando 211 toneladas, um volume considerável. “Constatando o que o prefeito Bruno Cunha Lima e a empresa parceira, a Medow, já previam, que esta seria a maior edição dos últimos 39 anos, e aconteceu”, declarou o secretário Geraldo Nobre.

Segundo Nobre, a orientação recebida do prefeito Bruno Cunha Lima era de realizar, mais uma vez, um trabalho pontual e de qualidade para oferecer aos campinenses e turistas a oportunidade de, mais uma vez, constatar nosso padrão de limpeza. “Nosso padrão de limpeza sempre alcançou considerável índice de aprovação em anos anteriores e isso aumenta a nossa responsabilidade. Graças a Deus nossos objetivos foram alcançados”, ressaltou o titular da Sesuma.

“Temos a certeza que, neste ano, o número de recorde de turistas melhorou consideravelmente o faturamento no comércio em geral, aumentando a nossa receita. Os comerciantes falam em 30% a mais em relação a 2019, no geral. E a coleta pontual nos bares, restaurantes e similares também comprovou isso”, observou Nobre.

O secretário foi taxativo em afirmar que a festa cresceu, em todos os quadrantes, o que é muito bom para Campina Grande que mostra, mais uma vez, que sabe fazer festa. Ele destacou a contratação de profissionais da cidade, como a parceira Medow, que, com inteligência e competência, alcançou os interesses dos campinenses e de todas as pessoas que procuraram a cidade, nesse período. “Todos nós, enquanto gestores, estamos felizes. Foi muito trabalho e dedicação, mas, no final, fomos recompensados com o êxito de mais uma edição do Maior São João do Mundo e o reconhecimento da população e turistas”, disse.

De acordo com a Sesuma, o Maior São João do Mundo não se resume ao Parque do Povo e Distritos. Também fazem parte os eventos privados: Vila do Artesão e Sítio São João que, também neste ano, bateram recorde de visitação e a Sesuma esteve presente, na área externa desses locais, e internamente com o Recicla São João.

Durante os 31 dias de festa, a Sesuma ainda reforçou a coleta domiciliar na cidade e Distritos, manteve a varrição, capinação, poda de árvores, manutenção de canais e galerias, além da Operação Tapa-Buracos, visto que a malha viária foi bastante afetada com as fortes chuvas registradas nesse período. “Trabalho contínuo e intenso, que exige muita dedicação de toda equipe”, frisou Nobre.

Geraldo Nobre fez questão de apontar a segurança, reforçada com câmeras de alta potência e o trabalho das forças policiais (militar, civil, federal, Corpo de Bombeiros, segurança privada e tecnológica), como fundamentais neste quesito, fazendo deste São João um dos mais tranquilos de todos os tempos. “Agora é sentar, avaliar e já projetar 2023, que virá com novidades e ampliação, como já destacou o nosso prefeito Bruno, pois será nossa 40ª edição”.

O secretário agradeceu aos colaboradores, desde os efetivos, comissionados, contratados e cooperados, que se “irmanaram” para que tudo desse certo. “Nossa gratidão ao prefeito Bruno Cunha Lima, ao coordenador geral do evento, secretário Gilbran Asfora e demais órgãos parceiros, que não mediram esforços para nos garantir as condições de alcançar nossos objetivos, principalmente o de continuar com o nosso excelente padrão de limpeza em mais uma edição do Maior São João do Mundo”, finalizou Geraldo Nobre.

Codecom

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo