CIDADE CONDE: Padre é preso por se posicionar contra ação de Márcia Lucena

 

 

  

 

No centro de Conde, a prefeita Márcia Lucena (PSB) autorizou a pintura do Cruzeiro, descaracterizando a cor original, da paróquia de Nossa Senhora da Conceição.

padre Luciano, que já havia apelado para que isso não acontecesse, foi conduzido à delegacia de Alhandra, pela Guarda Municipal, porque ele tomou a iniciativa de devolver a cor original à cruz, patrimônio da Igreja Católica Apostólica Romana (ICAR).

O padre havia solicitado a alteração desde julho.

“Eu estou sendo preso. A prefeita mandou me prender porque troquei a pintura do Cruzeiro que é da Paróquia! É uma coisa absurda! A gente fica de boca aberta diante dos desmandos, da arbitrariedade, do autoritarismo. Sabemos que existe um viés comunista nisso, né? E sabemos que, quem é comunista, odeia igreja, odeia padre, tudo que é religioso, persegue, é autoritário e não tem caridade com ninguém!”, afirmou o padre.

Foto: Reprodução/Whatsapp

A atual prefeita e candidata à reeleição, tem uma relação constantemente estremecida com os cristãos da cidade. A justificativa foi que não havia tinta para realização da pintura, no entanto, trata-se de uma perseguição ao padre Luciano e à paróquia que ele é responsável.

Cidadãos de Conde lamentaram a postura adotada pela prefeita e comentaram sobre a constante perseguição. Confira:

Vídeo: Ailton Silva

(BLOG CANALDOPOVO)

Load More Related Articles
.