Cássio diz porque não disputará as eleições de 2020. Mas não descarta as próximas

Cássio descarta de vez sua participação nas eleições de 2020. Esta mensagem está sendo enviada por ele aos amigos.

Após perder a eleição para o Senado, tive que me reinventar. Tudo muito incerto, muitas dúvidas em relação ao meu futuro e ao amanhã da minha família. A primeira decisão que tive que tomar foi onde morar e com o que trabalhar. Depois de 32 anos de mandato, era mudança importante. A você posso dizer, e não me envergonho disso: nos primeiros meses sobrevivi com empréstimos de familiares e amigos. Decidi morar em Brasília e criei a Advice Brasil, que graças a Deus vai bem, superado os primeiros meses de incertezas. Hoje tenho contratos que preciso honrar e que me impedem de disputar a eleição. Eu não queria ter saído da política, tanto que disputei a eleição para voltar ao Senado, onde sem falsa modéstia fiz um bom mandato. Não estou me queixando. Respeito e acolho a decisão soberana do povo de não renovar o meu mandato. Disputei em profunda desigualdade de meios, as revelações da Operação Calvário confirmam o que digo. Mas o fato é que não pude voltar para o Senado e tive que seguir outro caminho. Quem sabe um dia, mais adiante, eu volte a disputar novamente uma eleição. Mas neste pleito não posso participar como candidato. Agradeço demais toda a sua confiança e solidariedade. Sou grato por todo seu apoio ao longo de todos esses anos. Espero receber sua compreensão e de muitos outros, que, generosamente, pedem minha volta. Na vida nem
sempre conseguimos percorrer o caminho mais curto. É como disse o Poeta: “Fazem curvas e desvios/ e assim adiam os rios/ o seu encontro com o mar.” Não sei se é um adeus à política partidária ou um até breve. Deixemos o tempo falar. Mas de uma coisa tenho certeza: Deus é bom o tempo todo!

Load More Related Articles
.