Carol Gomes tem novos projetos de leis sancionados e destaque é para criação do cartão de vacinação em braile

Nos últimos dias, sete novos projetos de leis de autoria da vereadora Carol Gomes (União Brasil), atualmente licenciada das atividades legislativas da Casa de Félix Araújo, foram sancionados pelo poder executivo de Campina Grande.
Na data de hoje, 8 de abril, onde comemora-se o Dia Mundial do Braile, o destaque vai para a Lei número 8146/2022, que autoriza a criação e o fornecimento de cartões de vacinação em Braile para os cidadãos de Campina Grande.
“Os projetos sociais de inclusão são fundamentais para que os deficientes visuais se desenvolvam socialmente e profissionalmente e alcancem um nível satisfatório de emancipação. O cartão de vacinação em Braille é um simples gesto de inclusão, de busca pela igualdade e, principalmente, de acessibilidade”, falou Carol.
Ter um cartão em Braile é importante para a inclusão dos deficientes visuais, que não precisarão depender de amigos ou parentes para saber qual vacina tomou e quando precisará tomar a dose seguinte.
“São projetos desenvolvidos após analisar demandas da população, buscar dar resolutividade a situações que afetam diretamente nosso povo. Sou grata ao prefeito Bruno Cunha Lima, por confiar no nosso trabalho e aprovar esses projetos que, sem dúvidas, trarão muitos benefícios aos campinenses”, concluiu a parlamentar.
Os demais projetos de lei sancionados são os seguintes: Programa de Apoio às Pessoas com Deficiência – PcD; Coleta contínua de lixo eletrônico de pequeno porte em prédios públicos e privados; a campanha “Junho Vermelho Solidário” que ocorrerá anualmente durante o mês de junho, com objetivo divulgar, conscientizar e incentivar a doação de sangue e medula óssea no município durante o mês em que acontece o Maior São João do Mundo; Obrigatoriedade das farmácias e drogarias, no âmbito do município de Campina Grande, que comercializam medicamentos distribuídos gratuitamente pelo SUS afixarem cartazes informando sua gratuidade; Campanha ‘Pessoas de Valor’ que tem como objetivo a valorização dos familiares e do público atendido pelos CAPs (Centro de Atenção Psicossocial); e a Criação do programa municipal de prevenção à síndrome de burnout.

Load More Related Articles
.