Cantor e radialista, de Patos, ambos de 35 anos de idade, morrem vítima da Covid-19

 

O radialista Maciel Alves, de 35 anos, morreu nesta quarta-feira (21), por complicações causadas pela Covid-19 na cidade de Patos, Sertão da Paraíba.

Maciel foi diagnosticado com a doença e devido a gravidade dos sintomas foi internado no Complexo Regional Hospitalar de Patos. Ele chegou a passar duas semanas internado em tratamento, mas não resistiu e faleceu.

Maciel era radialista da Rádio Espinharas de Patos e esse é o segundo funcionário da emissora que morre por complicações causadas pela doença em um intervalo de menos de um mês.

Há três semanas, o jornalista Roberto Fortunato foi encontrado morto na casa onde morava, também em decorrência de complicações do novo coronavírus.

O corpo do jovem será sepultado na cidade de Santa Terezinha, Região Metropolitana da cidade.

CANTOR TAMBÉM MORRE DE COVID-19!

O cantor e compositor de músicas Dudu Frade, que é ex-vocalista da Banda Aveloz, morreu vítima de Covid-19. Ele tinha 35 anos e estava internado no Hospital Regional de Patos Deputado Janduhy Carneiro, no Sertão paraibano. A morte foi informada na noite de terça-feira (20).

Nas redes sociais do músico, como o ClickPB apurou, amigos e fãs lamentaram a perda. “Vai com DEUS meu amigo!! Obrigada por ter compartilhado seu talento conosco. Descanse em paz!”, disse um. Outro comentou: “Deixou muitas lembranças boas”. Dudu Frade passou pela Banda Aveloz entre os anos de 2012 e 2015.

Ivan Frade, irmão de Dudu Frade, também expressou a dor da perda. “E agora meu irmão, me explica daí de cima como vou conseguir sem você? As músicas que vc cantava agora vai ficar o silêncio eterno… Como vou seguir adiante sem a minha outra metade? porque vc partiu tão cedo”.

Click PB

Load More Related Articles
.