CidadesDestaques

1º Fest Folia é marcado pelo anúncio da Festa do Artesanato em Lagoa Seca/PB



Quem disse que o carnaval tinha acabado em Lagoa Seca? O primeiro Fest Folia agitou a tarde deste sábado (17) e colocou os artesãos para comemorar um dos eventos mais populares do país.

A iniciativa da Secretaria de Cultura, Turismo e Esporte, em parceria com a Secretaria de Assistência Social, promoveu o encontro oferecendo ao público um prato conhecido e muito saboroso: feijoada, ao som da animação regida pela Orquestra Jovens da Borborema, grupo o qual tocou marchinhas de carnaval e alegrou os foliões.

No entanto, a grande novidade foi, sem dúvidas, o anúncio da Festa do Artesanato 2024. A edição deste ano foi confirmada pela prefeita Dalva Lucena.

A gestora garantiu que de 10 a 14 de abril, o município poderá desfrutar do festival que já é sucesso na região desde 2017. Toda grade de shows e detalhes da festa ainda estão sendo montados e serão divulgados em breve.

Dalva também justificou que a festa não aconteceu ano passado devido a dois fatores bem consideráveis: primeiro, a não recomendação do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE), uma vez que Lagoa Seca havia seguido o estado e tinha decretado situação de emergência por causa da estiagem. Já o segundo fator se deu em decorrência da manutenção no Estádio Municipal Francisco Luiz de Sena (O Titão), a fim de que o local recebesse melhorias para os jogos do campeonato de futebol.

Na confraternização, também marcaram presença outras autoridades, como o secretário da pasta, Márcio Rangel, o deputado estadual Fábio Ramalho, vereadores, membros e auxiliares do governo.

O público recebeu, ainda, a entrega do certificado de participação por ter exposto os produtos artesanais na Agrotec – feira ligada à agricultura e idealizada pela Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) – e uma honraria simbólica àqueles que deram plantão de vendas no Centro de Artes da cidade.

“Se nossa terra é chamada de ‘Terra do Artesanato’, evidentemente tem de haver esse momento. A cidade precisa respirar tal cultura e homenagear homens e mulheres que fazem talentos usando mãos e gerando lindas peças”, elogiou Dalva Lucena.

Márcio Rangel, gestor da Cultura, disse que a prefeitura pretende divulgar em breve os encaminhamentos da Lei Aldir Blanc 2, reunindo todas as etapas e editais. No que diz respeito à Festa do Artesanato deste ano, ele comentou. “Vamos trabalhar para que a edição 2024 seja ainda melhor, pois queremos juntar a cultura e outros seguimentos, como turismo e esporte. Aguardem, muita coisa boa vai vir”.

Artesã há muito tempo e conhecedora das várias tipologias encontradas no mundo do artesanato, Bernardete Santos ficou feliz em saber que a festa tem data marcada. “Era isso que a gente estava esperando, e todos achavam que não teria festa. E já que tivemos essa notícia ótima, agora é colocar a mão na massa e trabalhar”.

( ASCOM/PMLS – Fotos: Junot Filho)

VEJA AS IMAGENS:

Botão Voltar ao topo